quarta-feira, 20 de fevereiro de 2019

Run and Gun

     É um gênero de games, muito popular na terceira e quarta geração de consoles, em que se comandava um personagem, normalmente um soldado, que deveria passar pelas fases atirando em seus inimigos ao mesmo tempo que evitando os tiros destes. Este processo de correr e atirar que deu origem ao nome do estilo. Pode ser considerado uma subcategoria de jogos de tiro, principalmente os de terceira pessoa, porém é diferente por misturar elementos de jogos plataforma e pela grande quantidade de inimigos e armadilhas atirando ao mesmo tempo, bem ao estilo dos filmes de ação dos anos 80 onde uma pessoa como Rambo o Chuck Norris desafiava um exército.
     Hoje em dia tal gênero não é tão popular, queda que iniciou-se com a popularização dos gráficos 3D, porém grandes clássicos permanecem absolutos na história dos games como algumas obras primas desta forma de arte. É o caso das sagas Contra e Metal Slug.


Party

     É um grupo de aliados, normalmente com habilidades diferentes, que nos acompanham em certos jogos, principalmente no gênero RPG, durante nossa jornada. Algumas destas habilidades são ataque a curta ou longa distância, habilidades mágicas, poderes elementares, etc.
     Em certos casos temos uma party já estabelecida ou que vai se formando no decorrer do jogo, como em Final Fantasy X, já em outros podemos montar a nossa da forma que quisermos, é o caso de Pokémon, sem falar do uso de personagens por determinado tempo, como em uma fase específica apenas, como em Kingdom Hearts. A formação da party requer uma certa dose de inteligência e estratégia de modo a otimizar as habilidades gerando um perfeito trabalho em equipe e permitindo a superação dos mais variados obstáculos.


RPG

     É um gênero complexo de games, mas também um dos mais antigos. Baseados nos clássicos jogos de Role Playing Game, que forma a sigla RPG, de tabuleiro como Dungeons and Dragons tais jogos tem como base uma história rica, tanto em termos de elementos como em termos de profundidade, com liberdade de fazer as nossas próprias escolhas sem a necessidade de seguir a trama principal e nem se prender a esta. Também é marcado pelo pensamento estratégico tanto em termos da escolha de companheiros, como de ataques e a predileção por desenvolver certos atributos.
     Este gênero, que ficou conhecido por títulos como Pokémon Blue, Red e seus sucessores, Ni no Kuni, além das sagas Final Fantasy, The Elder Scroll, The Witcher, Kingdom Hearts, Chrono Trigger, etc, pode ser dividido em categorias como Action RPG, onde tanto os personagens controlados como os inimigos atacam ao mesmo tempo, por turnos, onde cada um tem a sua vez como em um jogo de xadrez ou dama, ou um misto deste dois estilos, além do RPGMMO, este, normalmente um action RPG, com milhares de jogadores jogando ao mesmo tempo.
     Os jogos deste gênero são conhecidos por certos elementos, muitos destes usados por outros estilos de jogo, porém não é obrigatório a presença de todos para se considerar um jogo um RPG, se bem que, em geral, estão sempre presentes. A presença de uma party, um grupo de aliados, cada qual com habilidades específicas, a existência de várias classes de personagens como magos, guerreiros, arqueiros e semelhantes, pontos de experiência que aumentam quanto mais se joga, atributos como força, inteligência, magia, defesa, ataque e demais, armas e equipamentos intercambiáveis de modo a aumentar os atributos, um mundo aberto que permite ao jogador ir e vir, itens a serem usados durante a jornada como remédios, poções, elixires, chaves, itens para aumentar os atributos temporariamente e demais, uma variedade de ataques diferentes para cada classe, novas habilidades e poderes desbloqueados conforme o personagem ganha experiência e alcança certos níveis, lojas específicas para se comprar determinados itens, presença de masmorras e inimigos com level determinado, etc.
     Neste estilo de jogo os NPCs ganham uma importância maior, pois podem dar dicas importantes de como superar certo obstáculo ou sobre a mecânica do jogo, estimulando a conversa com estes. Como dito também oferece uma série de elementos a outros estilos de jogo como mundo aberto, hack and Slash e outros.


Gráficos

     É a parte visual do jogo, desde o cenário até os personagens principais. Tem evoluído desde os primeiros games cada vez se tornando mais realistas. Assim como na pintura também apresenta uma série de estilos, mas a ideia que norteia a indústria dos games de forma geral é a busca por cada vez mais realismo perdendo-se a noção de que é algo feito de forma digital.