sábado, 4 de junho de 2016

Voar como uma borboleta e picar como uma abelha

     Ao ligar o computador hoje vi que Muhammad Ali faleceu. Para quem não conhece, ele foi o maior lutador de boxe da história. Não acompanho nem nunca acompanhei boxe, por não gostar do esporte, mas esta lenda merece um texto especial.
     A primeira vez que soube da existência de Muhammad Ali foi nas Olimpíadas de Atlanta, se não me engalo ele que acendeu a pira olímpica. Depois soube que aquele homem era um grande lutador e que sofria de mal de Parkinson, doença que conheci naquele mesmo dia. O que conheço da vida do campeão foi por meio do filme Ali, interpretado por Will Smith, drama muito recomendado mesmo para aqueles que, como eu, não entendem nada de boxe.
     Além dos ringues e do filme, Ali também apareceu nos games. O único que joguei, e bem rapidamente, foi o Fight Night round 4, jogo de boxe que joguei no PS3. Fui tão bem que consegui a façanha de perder usando o Muhammed, algo comparável quando perdi um jogo de futebol usando a seleção com o Pelé. dá para ver que não sou grande coisa em jogos de esporte, mas isso é outra história. Um jogo que descobri hoje foi o Muhammad Ali Heavyweight Boxing, para Sega Genesis, com versão para Game Boy. Deste não conheço nada.
      Para ter uma ideia da força do cara, e de sua fama, fizeram uma história em quadrinhos dele lutando contra o Superman. Claro que foi algo comemorativo, mas não deixa de ser curioso.
     Muhammad Ali, mais do que uma lenda no boxe e no esporte de forma geral, foi um mito com suas atitudes fortes, como se negar a lutar a Guerra do Vietnã, defender a causa da igualdade racial com Malcon X, outra lenda, mas no âmbito social, e de abraçar o islamismo, mudando até o seu nome de Cassius Clay para Muhammad Ali. Independentemente se você gosta ou não de boxe e de concordar ou não com as atitudes e os meios utilizados por ele, conhecer um pouco sobre esta lenda vale a pena.
     Saudações Gamers
___________________________________________________________________

Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Agradecemos o apoio e a confiança
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Nenhum comentário:

Postar um comentário