terça-feira, 5 de julho de 2016

O dinheiro nos games

     No mundo real nos preocupamos com o dinheiro. Contas para pagar, saúde, educação, comida, são só algumas das preocupações que todos temos. Por outro lado, nos videogames, o dinheiro, normalmente, é secundário.
     Quando jogamos Mario, nossa maior preocupação é passar de fase ou não morrer e não pegar todas as moedas. Tudo bem que juntando 100 ganhamos uma vida, mas não vale perder uma por uma moeda. Isso é uma lição para a vida como um todo. Às vezes focamos tanto para pegar uma moeda e perdemos a vida neste processo. Claro que não podemos deixar de nos preocupar com o dinheiro, já que temos nossas obrigações financeiras, mas devemos ter equilíbrio. Conseguir as moedas, mas sem perder vidas, ou seja, façamos como o Mario.
     Nos RPGs é a mesma coisa. Ganhamos fortunas vencendo combates e, muitas vezes, não usamos esse dinheiro. Temos um bom estoque de poções e itens semelhantes e não temos a necessidade de comprar mais, assim o dinheiro acumula. Esta parte seria legal no mundo real, mas as coisas não são assim, porém a lição de que a jornada é mais importante que os ganhos é válida sim. Ou você conhece alguém que diga: " Juntei o máximo possível de moedas no jogo, Não consegui zera-lo, mas isso não importa. A meta era ficar rico"?
     Nos jogos de mundo aberto como o Red Dead Redemption, aprendemos a lição de que, se quisermos juntar dinheiro, precisamos fazer algo. Seja ajudar alguém, trabalhar, ou realizar alguma missão secundária, na vida um trabalho freelance ou um bico. O mesmo vale para a vida real, desde que esteja dentro das leis, antes que alguém cite GTA, como um contra argumento.
     Resumindo, os jogos podem ensinar muito sobre o dinheiro, como não ser obcecado por ele, como consegui-lo, etc. Só precisamos passar estas lições para o mundo real, sempre de forma honesta e seguindo as leis.
     Saudações gamers e juízo com o dinheiro    
___________________________________________________________________

Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Agradecemos o apoio e a confiança
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Nenhum comentário:

Postar um comentário