quarta-feira, 10 de agosto de 2016

Pilhas x Baterias

     Na guerra atual de consoles, assim como na anterior, dentre tantas  características de escolha como melhores gráficos, ergonomia do controle, jogos exclusivos entre outras relacionadas com avanços tecnológicos, uma se destaca pelo inverso, por ser algo banal. O fato do controle funcionar com pilhas ou baterias.
     Para quem não sabe, os controles de Xbox One e de seu antecessor, Xbox 360, funcionam com pilhas, já os da Sony, PS3 e PS4 à bateria recarregável. por fim temos a Nintendo com o Wii funcionando com pilhas e o novo e finado Wii U com bateria. Sendo bem sincero isso é uma opção pessoal. Não vou dizer qual é melhor ou pior, já que acho todos bons, com vantagens e desvantagens.
     Eu particularmente prefiro bateria, mas não foi sempre assim. Quando comprei uma máquina fotográfica digital, há alguns anos, fiquei com esta dúvida. Claro que existiam outro motivos, mas este, por incrível que pareça, era uma prioridade. Decidi comprar uma que funcionava com pilhas, tendo o seguinte raciocínio: se der problema com a elas posso comprar outra facilmente, já com a bateria já era. O problema é que, se fizesse uma viagem, por exemplo, precisava levar várias delas, todas recarregáveis, devido a duração delas e para não ficar sem energia na hora daquela foto especial. O que isso significava, na prática: mais peso e o desconforto de andar por aí com um estoque de pilhas, sem falar do carregador para recarregá-las mais tarde.
     Depois de anos com isso decidi trocar de máquina e comprar uma com bateria. Adorei a troca. Não só pela máquina em si e seus recursos, mas pela praticidade da bateria. Sem peso extra, praticidade para recarregar, sem precisar tirar nada da máquina nem desgastar partes dela. 
     Outro episódio relacionado é da época que jogava Pokémon blue no Gameboy. Os jogos, com sua versão blue e red, eram febre, todos levando seu console portátil para aonde quer que fossem e, claro, para fazê-lo funcionar, comprando muitas pilhas palito, a AAA. A Duracell e suas concorrentes devem sentir falta daquela época. Já para nós gamers era extremamente frustante chegar em uma nova região do mapa para capturar novos pokémons ou enfrentar novos adversários e acabar a pilha. Alguns anos depois inventaram as pilhas recarregáveis o que diminuiu essa compra desenfreada, mas aí a febre do pokémon Blue e red tinha acabado faz tempo.
     Sendo bem sincero não entendo por que a Microsoft não utiliza baterias recarregáveis em seus consoles. Se o argumento for pela praticidade, este esta obsoleto, já que é bem fácil comprar uma bateria específica para controles de consoles na internet e fazer a troca ou levar a uma autorizada, que deve fazer a troca em 5 minutos. Se forem duas pessoas, nem estacionamento precisa gastar é só um levar o controle e outro dar uma volta no quarteirão se for de carro, já com transporte público é mais fácil, apesar de ser muito mais cheio, mas aí é um outro problema e a discussão não cabe aqui.
     Claro que acessórios são lançados para suprir, ou pelo menos minimizar essas diferenças, mas tudo poderia ser simplificado, não acham? Uma coisa que não sei e, se algum engenheiro ambiental, químico ou semelhante poderia responder é a questão do lixo e descarte de pilhas e baterias. Sei que estas precisam ser postas em um lixo específico e, de jeito nenhum, jogadas como algo qualquer devido à composição química. O que não sei é qual é melhor para o ambiente? Qual é mais fácil de reciclar? E qual tem melhor desempenho e durabilidade? Tenho comigo que a pilha é pior, mas isso é puro achismo, por isso peço a opinião de pessoas que saibam mais que eu e que podem dar novos argumentos nesta disputa. Seja como for espero que as empresas utilizem a melhor opção, não só visando a natureza, como também a praticidade e bem estar dos gamers. Enquanto não tivermos uma resposta definitiva continuamos com a dúvida: Pilha ou bateria?
     Saudações Gamers
___________________________________________________________________

Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Agradecemos o apoio e a confiança
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Nenhum comentário:

Postar um comentário