terça-feira, 23 de agosto de 2016

Problema de espaço

     Seguindo vários youtubers sei que, uma das preocupações deles é com o tamanho do vídeo. Qual é a medida exata em que o conteúdo é passado ao mesmo tempo que não fica cansativo? Mas o problema é ainda maior, pois muitos, ao ver o tamanho do vídeo, já desistem de assisti-lo, então, outra preocupação relacionada é o perigo de afugentar os espectadores por meio de um vídeo longo.
     Não sou youtuber e sinceramente creio que não tenho as habilidades necessárias para sê-lo. Porém adoro escrever e, por meio de meus textos, também tento transmitir conteúdo. Se já é difícil para um youtuber acertar o tamanho do vídeo imagine o trabalho para um texto, em um país em que a leitura não é o forte, muito pelo contrário, infelizmente, isso sendo provado por vários estudos. Pior do que ver que o vídeo é longo é ver que o texto é comprido. Para alguns, qualquer coisa com mais de três parágrafos é gigante.
     Admito que tomo cuidado para não escrever textos longos, apesar que, às vezes, me sinto como se estivesse possuído, no bom sentido, e começo a escrever de forma apaixonada, ainda mais se tratando de um tema que eu gosto como games. Fico tranquilo por saber que outras pessoas também passam por este estado de possessão, todos eles escritores no caso, como por exemplo Stephen King. A diferença é que, se ele escreve um livro longo, não tem muitos problemas, já que é um livro, mas e se fosse só um texto? É nessa situação que eu me encontro frequentemente. Sou obrigado a conter essa criatividade que guia os autores visando não escrever textos longos para não afugentar muitos leitores.
     Comecei o quarto parágrafo! Isso quer dizer que já perdi possíveis leitores. Brincadeiras à parte, é bem complicado expressar um conteúdo em menos de três parágrafos, salvo um verbete na Gamepedia, e olhe lá. Mas, depois de um esforço para manter o texto curto o problema acaba, não é? Que nada. É nessa hora que posto no Twitter. Que raiva que dá colocar um título chamativo em apenas 140 caracteres, isso contando com links e explicações. E olha que sou objetivo. Para os prolixos Twitter é palavrão. 
     Apesar das ditas dificuldades, adoro o que faço. E por sinal, se eu quiser escrever textos maiores, nada me impede de escrever um livro, não é? Ou será que não? Se um dia isso acontecer eu conto para vocês. Sei que os textos que publicamos, assim como os jogos de videogames, precisam ter um bom tamanho. Se for muito longo fica cansativo, e repetitivo, principalmente no caso dos games, já se for curto, se analisa se vale a pena o investimento, esse no caso é um problema que não tenho. O pior que pode acontecer com um texto curto, mas que contenha a informação necessária, é deixar aquele gostinho de quero mais.
     Saudações gamers   
______________________________________________________________________

Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Agradecemos o apoio e a confiança
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Nenhum comentário:

Postar um comentário