quarta-feira, 21 de setembro de 2016

O hater e o dedo

     Na BGS 2016 ocorreu um fato curioso. Estava passeando pelo evento e passei pelo estande da Microsoft. Ao sair de lá me deparei com uma pessoa indo em direção a este e ao chegar mais perto, ela mostrou o dedo do meio para o estande, se dirigiu depois para o da Sony.
     Ao ver tudo isso fiquei pensando: "O que a pessoa ganha ao ofender a concorrente de sua marca preferida? E para que este ódio?" Como vocês sabem, a Microsoft não faliu neste período, nem os seus consoles começaram a explodir ou qualquer outro dano que o gesto do visitante hater, aquele que odeia uma empresa, jogo ou semelhante, poderia ter acarretado. Se algo tivesse acontecido, teria aberto uma firma de segurança com o cara. Isso que é super poder. Ao apontar o dedo para seus inimigos estes são dizimados ou, no mínimo prejudicados. Mas, como era de se esperar, nada aconteceu.
     Nunca tive um Xbox, mas isso não significa que eu odeie a empresa, muito pelo contrário. Respeito-a muito e sei que esta produz grandes jogos e consoles. Por algumas razões ainda não tive um console fabricado pela Microsoft, porém isso não significa que vou torcer pelo seu fracasso. Esta atitude seria semelhante a de uma criança que desdenha de algo que quer, algo visto em muitos episódios do Chaves, para os que curtem a série.
     Como amante dos videogames, não entendo esta rixa entre fãs de empresas rivais. Uma coisa é ter uma preferida, outra é ter ódio pelas outras. Imagine se tal atitude valesse para comida? Uma pessoa que gosta de pizza de Muzarela começaria a difamar as que comem de calabresa. Ridículo, assim como nos games e em muitas outras áreas. Não é porque não temos ou não gostamos de algo que devemos denegri-lo. 
     Tenho esperança que um dia este ódio ridículo acabe e que as pessoas consigam entender a diferença entre gostar de algo e odiar a concorrente.
     Saudações gamers 
______________________________________________________________________

Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Agradecemos o apoio e a confiança
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Nenhum comentário:

Postar um comentário