terça-feira, 11 de outubro de 2016

Diferença de business e VIP na BGS

     Quando compramos nosso ingresso para a BGS 2016, escolhemos o passaporte business, por sermos uma empresa. Ao chegar no evento e fazermos nosso cadastro para receber nossas credenciais esperávamos um crachá escrito Empresa e com as informações desta, mas não foi assim. Recebemos um crachá VIP, sendo que a diferença era ter uma faixa amarela com estas três letras. Só isso. 
     Onde está o problema disso? Apesar de várias funções serem as mesmas, como porta diferenciada na entrada da feira apenas e possibilidade de entrar no primeiro dia, que antigamente era só para imprensa e empresas, algumas, teoricamente eram diferentes, como entrada para a área business, aquela que já comentamos, e outras pequenas diferenças como marcar reunião e semelhantes. Na prática eram iguais. então por que vender dois produtos como diferentes se a entrega é a mesma? Sem falar que, ao entrar em um estande com algo que diz que você é de uma empresa pode facilitar o contato, permitindo melhor troca de informações, gerando maior efetividade e agilizando o caminho nos dois lados. Sem falar em divulgar a marca para o público, algo fundamental e, talvez, a maior falha neste sistema.
     Não lembro se existia diferença de preço entre as duas opções de passaporte, mas se fosse o caso, ainda mais absurdo. Isso precisa ser revisto de modo a deixar as coisas claras para os clientes e facilitar futuros negócios em um mercado com grande potencial.
     Saudações gamers
______________________________________________________________________

Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Agradecemos o apoio e a confiança
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +
E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.

Nenhum comentário:

Postar um comentário