domingo, 20 de novembro de 2016

Afogar as mágoas

     Hoje o assunto é muito sério. Alguns podem falar "Mas é domingo!" Assim como muitas pessoas deixam para começar o regime na segunda e até lá fazem muito estrago, penso que é melhor não deixar para depois um assunto tão sério que pode envolver os games e outros hobbies. 
     Quando uma pessoa está triste ela busca um conforto em algo que lhe dá prazer. Quando falamos em afogar as mágoas é a isso que nos referimos. O problema é que este pensamento, diferentemente da fuga de realidade parcial, não resolve a situação, só cria uma pior. Explico: quando alguém está deprimido, no senso geral e não especificamente no sentido da doença, ela busca algo que contrabalance esta tristeza. Beber, comer, se encher de doces, jogar videogame, estudar, ver pornografia, usar drogas, ter vários relacionamentos, assistir TV entre muitos outros exemplos, são formas que as pessoas usam para conseguir um pouco de prazer, uma faísca de alegria em sua triste vida. Algumas são prejudiciais em qualquer dosagem outras, se forem usadas com moderação, são benéficas, porém aí está o ponto, a moderação. Se você não resolver o problema, ficará sempre triste, o que fará usar esse artifício mais vezes, até virar um vício e, de um grande problema, você passará a ter dois.
     A fuga da realidade parcial, como o próprio nome diz, é um escape temporário, o que é benéfico, claro, que se for feita com modos construtivos e não destrutivos como drogas e outros exemplos. É aí que entram os hobbies. Jogar videogame, ler um livro, acompanhar uma série, praticar um esporte, são exemplos, de formas construtivas de fugir da realidade, escapara da mesmice, relaxar o cérebro.
     A grande diferença entre o afogar as mágoas e a fuga da realidade parcial, portanto, é a questão do tempo e frequência. O que nos leva a uma segunda diferença, consequência da primeira, a solução do problema. Ao resolver aquilo que te aflige, você deixará de precisar daquela gota de esperança, aquela faísca de alegria como dissemos antes, o que fará com que você deixe de viver escapando. Fugir da realidade por um tempo é bom, mas quando você deixa de vivê-la, temos um grande problema. Sei que é difícil resolver certas questões, mas acreditem, há um jeito. Talvez você precise de um psicologo, um amigo em quem possa confiar, uma mudança de atitude, etc. Não tem problema. Faz parte. Você não será o primeiro nem o último a precisar de ajuda ou de uma mudança e isso não é algo para se envergonhar. Nem o Pelé venceria sem um time. Pedir ajuda não é fraqueza, é algo natural. Procure pessoas que podem fazer a diferença e não caia na armadilha de afogar as mágoas, pois o sofrimento só aumentará.
     Quando usamos a expressão "afogar as mágoas", para alguns vem a impressão preconceituosa de alcoólicos e viciados em drogas, desculpem se usei algum termo errado, mas parece algo distante, certo? Errado. Vemos exemplos disso a todo momento. Desde personagens como Hermione Granger, em Harry Potter, fugindo de sua solidão nos estudos, antes de mudar de atitude e fazer amigos, ficando, então, só o prazer em estudar, salvo em alguns momentos, mas, se falar daria spoilers, viciados em filmes como Carl, personagem de Jim Carrey em Sim Senhor ou a personagem de Reese Witherspoon, em E se fosse verdade, assim como pessoas reais como Terry Crews, ator que fez o eterno pai do Chris, viciado assumido em pornografia, ou, ainda mais perto, aquele seu amigo que não larga do celular ou o viciado em séries ou novelas ou um terceiro que vive comendo. Não é um problema distante e sim algo ao nosso redor, inclusive em nós mesmos. Vamos resolver nossos problemas, seja buscando ajuda de profissionais, o que é recomendado a todas as pessoas, mudando de atitude e demais formas possíveis. Existe solução, apesar de às vezes não parecer. Seja persistente e não pare para afogar as mágoas. 
     Saudações gamers e boa sorte
        

______________________________________________________________________
     A NGC quer saber sua opinião. Ela é importante para nós. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Juntos somos mais fortes.
     E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.
     
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +

Nenhum comentário:

Postar um comentário