terça-feira, 8 de novembro de 2016

PC VS Consoles?

     Apesar de ser fã do mundo dos games, tem algumas coisas que não consigo entender. Talvez a maior de todas seja a guerra entre plataformas. Para quem não sabe, existem pessoas que discutem e até brigam dizendo que o console em que  joga ou o PC é melhor que as demais opções. É igualzinho, só que bem menos violento, as provocações entre torcidas de times rivais. Eu, como gosto de games, não consigo entender essa rivalidade, assim como um amante de esportes não entende a das torcidas. 
     Argumentos de melhor potência, praticidade de jogar, preço dos jogos e da plataforma, etc. são alguns dos argumentos utilizados. Penso que, ao invés da comunidade gamer perder tempo com isso, deveria se unir para acabar com problemas mais sérios relacionados com os jogos e, por que não, com o mundo em geral. Isso seria muito bem vindo.
     Falando um pouco sobre a minha experiência. Sempre joguei mais em consoles de mesa, por vários motivos como o fato do computador ainda estar chegando no Brasil para as famílias quando eu era criança, gostos pessoais como o controle e assim por diante. Isso não quer dizer que não joguei no PC. Quando era mais novo jogava um pouco na plataforma, porém, devido a não me acertar muito com jogos usando teclado, falta de um bom equipamento e outras preferências pessoais, tendi mais para os consoles. Hoje em dia, surgiram tem-se mais facilidades, como controle para o PC, na época, salvo o teclado,e em alguns jogos o mouse, podíamos usar o joystick, mas o que eu tinha não era muito bom, então era mais complicado, equipamentos específicos para gamers com placas de vídeo turbinadas, serviços como a Steam, etc. Como não tenho um computador com potência para jogar jogos mais elaborados, sem falar de espaço e outros problemas pessoais, e principalmente, por não ter o hábito, acabei abandonando a plataforma, porém sem perder o respeito por ela. Quem sabe um dia ela volta!?
     Quanto aos consoles, sempre tive mais contato e familiaridade com eles. Alguns eu conheço bem, com horas de jogatina, já outros não tive muito contato, ou nunca joguei, mas, se surgir a oportunidade pode deixar que eu aproveitarei. Foi o caso da BGS, onde pude jogar pela primeira vez um console da Microsoft e um da oitava geração. Tenho esperança que no futuro eles se tornem bons amigos de convívio diário.
     Por fim os consoles portáteis. Salvo uma vez que me emprestaram um PSP, o único console que joguei foi o Gameboy, o primeiro. Porém, graças ao Pokémon Blue, muitas horas foram passadas ao lado desta plataforma.
     Seja no console de mesa, no PC ou nos portáteis, mais importante do que briguinhas de fanboys é a diversão, a paixão pelos games e o prazer de aproveitar este hobby incrível. Sinceramente, acho que nunca entenderei essa disputa entre plataformas, mas de games quero saber cada vez mais.
     Saudações gamers    
______________________________________________________________________

Ajude-nos a melhore a comunidade gamer do Brasil. Faça seus comentários, divulgue nosso trabalho e siga-nos nas redes sociais. Agradecemos o apoio e a confiança
  • Clique aqui para nos seguir no Twitter
  • Clique aqui para nos seguir no Facebook
  • Clique aqui para nos seguir no Google +
E não se esqueça de prestigiar os nossos parceiros. É só clicar em um dos banners aqui no nosso site, assim TODO MUNDO sai ganhando. É rápido e prático.

Nenhum comentário:

Postar um comentário